Stacey Abrams revelou seu primeiro e-book - Rules of Engagement, um romance de um casal de espiões sensatos e seu colega fumegante - enquanto um aluno da Escola de Direito de Yale. Ansiosa por manter seus mundos separados, ela usou o nom de plume Selena Montgomery, uma homenagem à atriz Elizabeth Montgomery. ), além de duas obras de não ficção abaixo de seu título pessoal, enquanto exercia seus empregos diurnos como advogada tributária, proprietária de empresa, legisladora estadual, candidata a governador e defensora dos direitos de voto, entre outros. É difícil pensar que alguém que adotou a eleição de 2020 não sabe quem é Stacey Abrams. E assim, para seu mais novo e-book, While Justice Dorms, um thriller autorizado, um casal de juízes da Suprema Corte que entraram em coma mergulha o tribunal e a nação em turbulência, Abrams, 47, usou seu título pessoal em um romance pela primeira vez. É como se os componentes díspares de sua vida - a metade que cobre o público em geral, a metade nerd, a metade do sujeito obscuro e a metade que consome a tradição favorita - estivessem finalmente se aglutinando. Escrever é uma grande parte de quem sou como algo , Abrams mencionou o último mês em uma entrevista em vídeo de sua residência em Atlanta. Um fator pelo qual sou grato à minha mãe e ao meu pai é que não houve, de forma alguma, o lugar que eles mencionaram: ‘Não faça isso’. O que eles desejavam para nós era descobrir e dar uma olhada. E escrever é nativo da melhor maneira que levo em consideração o mundo. Enquanto a Justiça dorme, lançada na terça-feira pela Doubleday, tem uma trama extensa cujas opções incorporam uma proposta de fusão entre uma empresa de biotecnologia dos EUA e uma agência de genética indiana, uma doença implacável com um possível remédio, uma conspiração envolvendo os mais altos escalões das autoridades americanas, um presidente corrupto e implacável, uma Suprema Corte pronta para resolver um caso com ramificações mundiais e uma caça ao tesouro mental que começa com a descoberta de um conhecido décimo nono O romance de Stacey Abrams, enquanto a justiça dorme, sai em 11 de maio. Sua heroína é Avery Keene, de 26 anos, escriturária legislativa da justiça incapacitada, que tropeça em um mundo de aborrecimento quando é nomeada sua guardiã autorizada. Em comum com diferentes heroínas de Abrams, ela é sobrenaturalmente proficiente, com uma reminiscência eidética ou fotográfica, um excelente pensamento analítico e um talento para atrair e escapar de perigos. Como tantas questões sobre Abrams, o e-book é parcialmente um assunto doméstico , produzido em sessão junto com seus 5 irmãos. Sua irmã Leslie, uma escolhida federal, sugeriu-a em pontos autorizados. Sua irmã Jeanine, uma bióloga evolucionista, ajudou-a nas características médicas da trama. Sua irmã Andrea, uma antropóloga, recomendou-a em questões de etnia e fé. Seus dois irmãos, Richard e Walter, aprenderam os primeiros rascunhos e fizeram idéias sobre tramas e ritmos. Richard, um funcionário social, mencionou em uma entrevista por telefone que recebeu sua irmã para tirar uma perseguição de automóvel que obstruiu o drama. Era parte de uma cena de movimento e estava chegando ao clímax - e eu a aconselhei a chegar ao clímax mais rápido. ele mencionou. Eu gosto de uma perseguição de automóvel, Stacey Abrams mencionou, melancolicamente. O amor dos irmãos pela narrativa foi instilado por seu pai, um funcionário do estaleiro, e sua mãe, uma bibliotecária, enquanto eles cresceram em Gulfport, Mississippi. (eles mais tarde mudou-se para Atlanta, o lugar onde cada mãe e pai cresceram para se tornarem ministros metodistas). Quando as crianças não estavam estudando vorazmente, elas assistiam TV, agrupadas em um conjunto na sala. Uma ocasião que mudou sua vida ocorreu quando a irmã mais velha de Stacey, Andrea, recebeu seu aparelho de TV pessoal e convidou Stacey para seu quarto ( o santuário interno, Stacey o chamou) para observar um novo programa: o piloto de Star Trek: The Next Generation. Stacey Abrams, partidária de Kathryn Janeway, desde então assistiu a cada episódio de cada iteração de Star Trek e, você provavelmente tem vários dias, pode informá-lo em elementos bonitos quais episódios são os melhores e por quê. Ela mantém discussões de trabalho com numerosos irmãos e irmãs em relação ao falecido e lamentado Game of Thrones, o thriller de movimento Alias, o drama de viagem no tempo Timeless, a sequência de ficção científica de Rick e Morty voltando para uma outra temporada e agora em sindicação crime show Leverage. Eles são também clientes ávidos de literatura, com uma assinatura exclusiva de e-book que atende mês a mês, mais ou menos. Durante a entrevista, descobriu-se que Abrams já tinha aprendido o e-book atribuído - Ring Shout, por P. Djèlí Clark - para a assembléia seguinte, marcada para um mês depois. É a história de uma garota negra na Geórgia dos anos 1920 que descobre que o KKK é definitivamente composto de demônios, ela mencionou. Isso é típico de Stacey, seu irmão Richard mencionou. Como uma pessoa comum padrão, ele atrasou o projeto até o minuto final. O restante de nós nos esforçamos para determinar como adiaremos a adesão ao e-book até encerrarmos o e-book, ele mencionou. Mas não há nada repentino sobre Stacey. Ela tem um plano para todas as coisas. Enquanto Justice Dorme tem sua origem em um almoço que Stacey Abrams teve com um amigo há mais de uma década. O tema dos thrillers surgiu. Você já pensou na verdade de que o Artigo 3 da Constituição não prevê nenhuma provisão para um juiz da Suprema Corte que simplesmente não pode fazer seu trabalho? ', Perguntou o amigo. Bem, não, Abrams não tinha. à noite, ligou seu laptop e escreveu uma cena prevendo tal estado de coisas; ele permaneceu principalmente como o capítulo de abertura do e-book desde então. Ela completou um rascunho um par de décadas atrás, mas colocou-o de lado quando seu então agente mencionou que seria cansativo interromper o romance e entrar em um novo estilo. Ela o ressuscitou em 2015 - ela era a chefe da minoria da Câmara dos Representantes da Geórgia na época - mas foi desencorajada assim que extra. Eu costumava ser informado de que era muito sofisticado e que o presidente era muito rebuscado - que parecia absurdo que tivéssemos um presidente preocupado com a intriga mundial - e que ninguém se importasse com a Suprema Corte, Abrams mencionou. Quatro anos depois, ela teve mais sorte quando o manuscrito descobriu seu método para Jason Kaufman, vice-presidente e editor de governo da Doubleday e editor de longa data da Dan Brown. Você moderou as expectativas com uma pessoa de perfil excessivo. Você não sabe de forma alguma o que irá notar na página da web, Kaufman mencionou em uma entrevista por telefone. Mas depois que comecei a estudar, ficou claro que ela é tão autora quanto qualquer outra pessoa com quem já trabalhei. Ele admirava notavelmente a dedicação de Abrams a uma série de características extremamente tediosas do curso de modificação de o atarefado outono de 2020, quando ela trabalhava sem parar com o Fair Fight, o grupo de direitos de voto em que fundou depois de abandonar a corrida para governador da Geórgia em 2018. Foi excelente como ela estava em posição de dedicar muita atenção ao enredo fatores e para modificar principais até o outono final da eleição, Kaufman mencionou. O e-book é complicado com C maiúsculo, e você nem sempre descobre isso na ficção industrial. Stacey tinha dominado todas as condições meteorológicas - ela pode falar intimamente sobre xadrez, política e empresas de biotecnologia e o que se passa no sistema judicial. As tintas da biografia pessoal de Abrams borbulham no e-book. Ela e Avery têm lembranças estranhamente exatas, embora Abrams tenha mencionado que a dela diminuiu com o tempo. Não tenho uma reminiscência eidética real dentro do método de Sheldon em 'The Big Bang Theory', embora eu seja bastante bom em lembrar o lugar Eu costumava ser e o que aconteceu e detalhes insignificantes com inúmeras informações, ela mencionou. Além disso, estou em uma posição bastante razoável para relembrar parcelas. Uma das questões agradáveis ​​para meus amigos é que posso informar em que diferentes exibições os atores estiveram. Ambos Abrams e Avery têm o hábito de drogas em sua casa: a mãe de Avery, um personagem coadjuvante fundamental em Enquanto a justiça dorme, é uma viciada de longa data, como é o irmão de Abrams, Walter, que está no momento em restauração. Abrams mencionou que ela queria mostrar que o hábito é complicado e que os viciados não são seres binários - ligados ou desligados - mas indivíduos que mantêm sua humanidade independente de sua dependência de drogas. Normalmente, uma vez você examina o hábito na ficção, há um vilão e um herói, ela mencionou. É cansativo ter um adicto solidário que não passou pela restauração. Mas a verdade é que a personalidade dos indivíduos não se metamorfoseia com o hábito. Há ocasiões em que meu irmão está entre as pessoas mais gentis, atenciosas e beneficentes que conheço. Não muda a legitimidade disso quando seu hábito o leva a fazer coisas que são vis ou repreensíveis. A identificação racial de Avery, porque a filha de um pai negro e uma mãe branca, é central para o personagem, embora incidental para a trama. Isso também pode ser aprendido porque a história de Abrams, cujo trabalho de defesa está tão enraizado em sua identificação como uma garota negra no Sul, mas cujas atividades transcendem a generalização ou a classificação. A corrida é sempre uma dificuldade, e a questão é como um Muita primazia você dá, disse Abrams, falando de Avery, mas talvez também de si mesma. A escuridão de Avery é clara - não há nada escondido sobre ela - no entanto, não é usada como eficiência na história. Não descreve quem ela é. Não há nada estereotipado sobre quem ela é. Abrams, que de forma alguma fez cursos formais de redação, mencionou que seu método era formado por três questões. Anne L. Alstott, professora de tributação da Yale Law para quem Abrams trabalhou como assistente de análise, ensinou-a a perguntar, ao abordar um desafio: Qual é o problema, por que é um problema e como você o resolve? A Poética de Aristóteles, que Abrams aprendeu no colégio, fez com que ela levasse em consideração enredo, personagem e ritmo. E no Spelman College, o lugar que ela frequentou como estudante de graduação, a poetisa e dramaturga Pearl Cleage lhe ensinou que em qualquer boa ficção, uma coisa tem que residir e uma coisa tem que morrer - isso significa que se não houver nenhuma aposta, então não há recompensa, Abrams mencionou. Ela traça cada e-book antecipadamente e determina o período preciso de tempo em que ela pode querer escrevê-lo. Todas as questões iguais, ela será capaz de produzir 3.000 frases por dia. Eu me dou tempo para circular pelo estágio 'Eu odeio livros, odeio escrever, odeio a língua inglesa, mas vou escrever de qualquer maneira', ela mencionou. Sou uma pessoa de tempo muito favorável ao meio ambiente. Quando ela simplesmente não está escrevendo um e-book, Abrams mencionou que, depois do trabalho, ela normalmente assiste TV por várias horas e depois lê por algumas horas extras (por conta dela presente lista de verificação: The Race Beat, de Gene Roberts e Hank Klibanoff; Good Neighbours, de Sarah Langan; Black Sun, de Rebecca Roanhorse; e uma biografia de Napoleão). Quando vou até ela, digo: 'Você também está fazendo muitos problemas e você precisa fazer uma pausa, disse Richard Abrams. Mas sua irmã parece não estar inclinada a seguir essa recomendação. Ela tem uma ficção diferente nas obras: há um e-book para jovens que ela escreve há anos, ela mencionou, além de um e-book de super-heróis adolescentes. E, mais cedo ou mais tarde, haverá a oportunidade de uma sequência de While Justice Sleep. Todas as minhas vidas colidem, disse Abrams.
Este artigo foi revelado pela primeira vez em local na rede Internet