A RSPCA está se preparando para o Natal mais difícil, mas porque a instituição de caridade teme que a pressão monetária da pandemia do coronavírus possa implicar em um aumento no número de animais abandonados e sem cuidados.



No último dia de Natal, a instituição de caridade obteve mais de 950 chamadas, a melhor quantidade desde 2013 e obteve 63.000 chamadas ao longo de dezembro, ou 2.000 por dia, tornando-se o intervalo de Natal mais movimentado em não menos de 4 anos.

quantos anos tem filha

Somente no Nordeste, houve mais de 2.500 ligações para a caridade durante o último inverno.

A instituição de caridade cuidou de 1.171 incidentes em Tyne and Wear, 379 em Northumberland e 1.238 em County Durham em dezembro, janeiro e fevereiro.



Só em dezembro, houve 368 ligações em Tyne and Wear, 124 em Northumberland e 444 em County Durham.

Nestes 12 meses, confrontado com a pressão monetária do desastre do coronavírus, a RSPCA está ansiosa para que mais pessoas possam lutar para cuidar de seus animais de estimação e ver um aumento deles sendo abandonados ou descuidados, colocando mais pressão no resgate da instituição de caridade grupos do que nunca antes.

Os oficiais da caridade estão na linha de frente 12 meses a 12 meses, junto com o dia de Natal.



Apesar da pandemia, estes 12 meses não serão exceção com grupos da linha de frente salvando animais e cuidando deles em centros e hospitais da RSPCA em toda a Inglaterra e País de Gales, como fizeram durante todo o desastre.

Nestes 12 meses, a RSPCA está pedindo aos apoiadores que se juntem ao Resgate de Natal doando para ajudar os grupos de resgate a alcançar as centenas de animais que os desejam desesperadamente.

Dermot Murphy, chefe dos grupos de resgate de animais da RSPCA, mencionou: O Natal pode ser completamente diferente para muitos indivíduos nestes 12 meses, porém para a RSPCA, nossos grupos trabalharão dia após dia, como de costume, resgatando, cuidando e reabilitando esses animais que nos querem essencialmente mais. Nos últimos 12 meses, resgatamos centenas de animais durante os meses de inverno e tememos que, por causa da pandemia, possamos estar enfrentando nosso pior Natal, mas como estamos nos preparando para um aumento de animais desertos e descuidados que precisam de nossa ajuda.

No inverno passado, mais de 7.000 animais foram acolhidos pela RSPCA e a instituição de caridade obteve mais de 204.000 ligações durante o intervalo de inverno.



Um inspetor RSPCA com um gato
(Imagem: RSPCA)

Ao longo de dezembro de 2019, a instituição de caridade lidou com mais de 20.000 incidentes e levou mais 2.587 animais aos seus cuidados, juntamente com 558 caninos, 1.416 gatos, 149 coelhos e 167 animais selvagens.

Dermot mencionou: Foram 12 meses difíceis para todos, junto com instituições de caridade, então agora mais do que nunca gostaríamos de sua ajuda para continuar nosso importante trabalho de salvar animais e dar-lhes uma voz.

Nossos grupos da linha de frente estão fora durante todo o inverno, mas eles não podem fazer isso sozinhos, é por isso que a RSPCA lançou sua campanha de marketing Junte-se ao Resgate de Natal para mostrar como todos nós iremos ajudar os animais. De nossos resgatadores de animais, funcionários de hospitais e centros, e nossos voluntários a cada apoiador que pega o telefone para nos nomear quando um animal está passando necessidade, ou doa para nos ajudar a continuar nosso trabalho - cada um de nós certamente é importante para verificar que irá resgatar os animais que essencialmente nos querem mais.

Doar apenas £ 25 pode ajudar a preservar as equipes de resgate de animais nas ruas e £ 50 pode ajudar a alimentar todos os animais resgatados em um dos muitos centros por um dia.

Para ajudar os grupos de resgate a atingir as centenas de animais que os desejam desesperadamente, acesse www.rspca.org.uk/xmas.