Colocar Choi como responsável pelo ED estava condenado a ser uma catástrofe.

patrimônio líquido de brandon stevens

Mesmo antes de ter energia, ele estava sempre metendo as narinas onde não era necessário, arruinando as vidas dos sofredores e chamando isso de bússola ética.

E no Chicago Med Season 6 Episode 5, ele provou que coloca seus requisitos inflexíveis acima da compaixão, empatia e cuidado com as pessoas afetadas, criando uma desvantagem inútil para Noah e April.

Choi faz tanto esse tipo de fator que demorei um minuto para lembrar a mesma escolha que ele fez no episódio 4 da 6ª temporada do Chicago Med.

Nesse caso, ele era muito mais presunçoso e tolo, considerando que sabia mais do que um psiquiatra preciso quais foram os fatores para ter um afetado dedicado em oposição à sua vontade.

E claramente, ele não descobriu nada disso, já que passou a maior parte da hora insistindo que a justiça consistia em ele chamar a polícia de um homem idoso que simplesmente extraviou sua esposa para ALS como resultado de que são os alicerces.

Choi: Temos uma confissão. Se não denunciarmos à polícia, estamos obstruindo a justiça.
Noah: Isso não foi um homicídio. Foi um ato de misericórdia.

Há espaço para debater se Choi estava certo ou não por querer nomear os policiais. Mas mesmo quando ele estava, é oneroso ajudá-lo porque ele SEMPRE faz isso, e SEMPRE bagunça tudo.

E Noah tinha mais alguma extensão, de qualquer maneira.

Mesmo que o que o Dr. Coleman fizesse fosse ilegal, ele era um homem velho e moribundo que não sabia como lidar com a falta de sua esposa.

Não foi apenas alguma compaixão, mas também foi uma referência ao Dr. Charles ou outro membro da equipe de psiquiatria.

Choi fez um grande alarde sobre como Noah deixou uma seringa carregada dentro do alcance de uma pessoa suicida que sabia usá-la. Mas o que Choi fez sobre a ideação suicida do Dr. Coleman?

Nada. Ele estava muito ocupado tentando colocá-lo na prisão por sacrificar sua esposa.

Ele não estava envolvido sobre se o Dr. Coleman cometeria suicídio ou não até que a pessoa conseguisse. Então isso se tornou uma desculpa útil para castigar Noah.

clube de garotas más angela

Isso é nojento.

E deixando de lado o desafio do suicídio, havia, no entanto, a verdade de que o Dr. Coleman estava seguindo as necessidades de Phyllis.

Certamente Ethan já ouviu falar de uma diretiva antecipada. Se a Sra. Coleman tivesse entrado no hospital com um, ele teria forçado os médicos a desconsiderá-lo?

Ethan sendo Ethan, ele provavelmente teria - embora Will tenha adquirido o principal incômodo por fazer simplesmente isso na 1ª temporada de Chicago Med

Tecnicamente, nem Noah nem o Dr. Coleman adotaram uma Diretriz Antecipada, já que Phyllis comunicou suas necessidades apenas ao marido moderadamente, em vez de anotá-las.

Mas mesmo assim. Tão bom porque foi para Atwater ir para Chicago Med, isso foi uma perda de tempo dele e de todos.

Já passou da hora de Choi enfrentar algumas penalidades por sua intromissão fixa nas vidas dos sofredores, em vez de exigir que todos os demais o façam depois de serem compelidos a seguir em frente novamente para cumprir seus juramentos hipocráticos.

Se há alguma fresta de esperança em nada disso, além de Noah ter uma cena de despedida fantástica com April, é que Choi provavelmente alienou April ainda mais com esse absurdo.

Felizmente, ela fica MUITO longe dele pelo menos pelo resto da temporada.

April tem passado muito tempo com Will, e isso está fazendo meu senso de novela de limpeza explodir.

Embora, em circunstâncias normais, esses dois possam ser colegas de trabalho e amigos, quando dramas empurram duas pessoas juntos sempre, normalmente é uma ótima aposta que eles se encontrarão juntos.

Ao contrário de Ethan, Will respeita April e ouve seu ponto de vista. Enquanto Ethan se apega dogmaticamente aos alicerces, Will quase sempre os quebra na identidade de moralidade.

Ironicamente, Will normalmente comete o mesmo erro de Ethan - sua quebra de regras normalmente impõe sua vontade a sofredores relutantes - no entanto, neste caso, dobrar as fundações tornou as questões um pouco mais justas para pelo menos uma pessoa de cor afetada.

Depois de algum tempo, April pode descobrir que é uma mudança bonita em relação ao tempo todo que bate de frente com Ethan.

pegadinhas de dearra e ken

Um casal que parece destinado a um território eterno do tipo 'eles não vão querer' é Nat e Marcel.

Esses dois precisam ser ensinados a falar, ou eles não serão nada em nenhum aspecto.

É basicamente Nat.

Maggie: Então, sobre o que você e seu namorado estavam falando ali?
Nat: Crockett? Eu costumava estar simplesmente perguntando a ele algumas pessoas afetadas. [depois de ir para um canto privado] Dormi com ele na noite passada.

Nat está nervoso por ser outro entalhe na cabeceira da cama de Marcel, satisfeito por não poder decidir por ela e com medo de falar com ele sobre suas considerações.

Fofocar com Maggie e operar a segunda exposição da ex-mulher de Marcel não vai diminuir isso. Se ela deseja um relacionamento com Marcel, ela quer falar com ELE sobre o lugar para onde eles estão indo e o que ela deseja.

Eu não era inicialmente um fã de Marcel, no entanto, ele cresceu em mim. No entanto, essa porcaria de vez em quando, porque Nat não consegue descobrir dentro de si mesma para abrir a boca, tem que ir.

Mais convincente é a posição de Nat como médico de Anna.

O fato de Anna estar grávida complica as coisas, e ele quer falar com seu pai e sua mãe.

A relutância dela em falar com Susan é compreensível, dada a birra que Susan lançou sobre Charles, ousando aconselhar que ele deveria ter um tempo adequado para passar o tempo com sua filha também.

Mas seus meios para obter cuidados pré-natais devem ser um elemento da escolha sobre o lugar em que ela mora, e a indesejável gravidez é um fardo incômodo para uma adolescente carregar sozinha.

É uma vergonha que Anna ouviu seu pai falando com o advogado da casa, no entanto, esse é outro exemplo de comunicação insuficiente. O Dr. Charles pode esclarecer o estado de coisas sem falar mal de Susan e aprender como Anna se sente, apesar de tudo.

luann de lesseps tom d'agostino

Relacionado (tipo de, pelo menos ...), posso dizer o quanto gosto de Sharon?

Sua amizade com o Dr. Charles é, sem dúvida, um dos melhores elementos do Chicago Med. Eu realmente gosto de como eles dão apoio um ao outro, e as lutas de Sharon junto com seu filho adulto a tornam tão identificável.

Agora, se apenas Sharon reinasse Choi. Essa é a única falha em seu caráter, até onde estou envolvido.

Seus fanáticos do Chicago Med. Sou muito oneroso com Choi? O que você acha que vai acontecer com a batalha pela custódia de Anna? Nat e Marcel têm potencial como um par?

Acerte o grande, azul MOSTRAR COMENTÁRIOS botão e diga-nos as suas ideias!

Quer atualizar sua reminiscência primeiro? Basta assistir Chicago Med on-line aqui mesmo na TV Fanatic.

Chicago Med vai ao ar na NBC às quartas-feiras às 20h EST / PST.

Jack Ori é autor de funcionários sênior da TV Fanatic. Seu primeiro romance adulto jovem, Reinventando Hannah , pode ser obtido na Amazon. Siga-o no Twitter .

(* 5 *)
fornecimento: https://www.tvfanatic.com/2021/02/chicago-med-season-6-episode-5-review-when-your-heart-rules-your/